Política

19/12/2017 15:46 Eliza Gund/FlorestaNet

Cel. Ribeiro destaca a falta de pensamento de coletividade na prefeitura e acredita em um 2018 melhor

O programa Atualidades da Rádio Bambina FM recebeu nesta manhã de terça-feira, 19, o Secretário de Governo de Alta Floresta, Coronel Antônio Ribeiro de Moraes. Um balanço das ações tomadas em 2017 foi apresentado de todas as secretarias da administração pública, as principais dificuldades foram apresentadas pelo secretário que diz, “é bastante frustrante não ver a ‘coisa’ andar”.

Coronel Ribeiro destacou que a administração pública precisa atualmente de uma reforma punitiva, frisando que alguns servidores efetivos precisam realizar os seus trabalhos com mais seriedade, independente de ideologias políticas, apontando a necessidade, e a forma de aplicar um procedimento administrativo para o servidor efetivo que não cumpre corretamente as suas obrigações.

Sobre as dificuldades atuais na administração, relacionadas a fatores que culminaram principalmente as questões das demissões ocorridas no segundo semestre, Ribeiro frisa que “tem coisas que eram um ranso tão grande, que precisamos cortar na pele, e hoje nós estamos sentindo”.

O “jeitinho brasileiro” praticado nos mais diversos setores, tanto públicos quanto privados são criticados duramente pelo Coronel, que afirma ter cobrado uma auditoria dentro da prefeitura. Sobre o secretariado, Ribeiro afirma que não há pessoas inexperientes nos cargos, e que precisam se preparar, por conhecer os eventos, conhecer o orçamento disponível, devem seguir metas e assim garantir o bom andamento de suas pastas sem desgastes para a sociedade. “Eu acredito que para o ano que vem vai melhorar. Eu quero ser os olhos para acompanhar de perto para garantir que estas metas sejam seguidas a risca”, apontou o secretario falando sobre um conselho criado para acompanhar cada uma das pastas.

Mesmo com atrasos de repasses dos governos Estadual e Federal, a saúde conseguiu realizar os trabalhos, mas que só serão colhidos em 2018. Conforme explicou Ribeiro, o atual secretário assumiu a pasta em abril, e neste período apenas teve tempo para traçar metas e desenvolver um plano de ações, que será posto em prática efetivamente no próximo ano. Uma destas metas é o controle de medicação, que antes não existia, remédio entrava e saía sem planejamento ou controle.

Esporte, Cultura e agricultura também foram destacados pelo secretário. Dentro da secretaria de Governo, Ribeiro destaca a inauguração do IFMT, a inauguração de três novos loteamentos, a participação efetiva na realização da Caravana da Transformação, entre outras ações da secretaria de Governo. “Eu atuei dentro da minha secretaria com 100% dentro da legalidade, não assinei nada que pudesse ser ilegal, e no ano que vem serei ainda mais rígido”, apontou o secretário.

Sentindo a falta de representatividade política dos deputados, estaduais e federais, eleitos pela região, Ribeiro acredita que o foco de crescimento que o município tem no escoamento e produção de grãos, a própria agricultura familiar que fomenta a região, serão reconhecidos a partir do próximo ano. “Pode ter certeza comunidade de Alta Floresta, o ano que vem vai ser bem melhor. Nós seremos muito mais valorizados”.

Ao se despedir do programa, o Coronel deixou a sua mensagem. “Tudo posso naquele que me fortalece. Temos nossos objetivos, e que eles não possam ser frustrados. Vamos parar de pensar no umbigo, no amigo, no fulano ou no cicrano, e vamos pensar no coletivo, porque o coletivo atinge todos”.


O site Florestanet, foi o primeiro site de notícias de Alta Floresta, teve a sua operação iniciada em 1999, sendo um dos pioneiros no jornalismo on-line.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo