Mundo

Geral/Mundo 06/09/2017 09:11 G1

Furacão Irma atinge o Caribe

Furacão é o mais forte já registrado na bacia do Atlântico. Tempestade tropical Katia se formou no Golfo do México.

Os danos materiais causados pelo furacão Irma, que atravessou nesta quarta-feira as ilhas antilhanas de Saint Barths e Saint Martin, já são importantes, declarou Annick Girardin, ministra francesa de Ultramar.

A ministra mencionou telhados arrancados.

Segundo o serviço de meteorologia francês, Météo France, o olho de Irma, de quase 50 quilômetros de diâmetro, permaneceu 90 minutos em Saint Barths e depois chegou a Saint Martin.

Em um primeiro momento, Météo France registrou ventos de 244 km/h em Saint Barths, mas o organismo perdeu os instrumentos de medição na ilha, arrastados pelo furacão.

A ilha de Guadalupe permaneceu mais na periferia, mas registrou ventos de 100 km/h, fortes chuvas e condições do mar "muito perigosas".

Irma segue agora para Anguilla, Ilhas Virgens britânicas e a ponta leste de Porto Rico.


O site Florestanet, foi o primeiro site de notícias de Alta Floresta, teve a sua operação iniciada em 1999, sendo um dos pioneiros no jornalismo on-line.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo