Economia

Economia 26/09/2017 07:30 Seges-MT

Cerca de 10% dos servidores podem ter salários suspensos

O último prazo para o recadastramento dos servidores estaduais termina nesta sexta-feira (29.09) e cerca de 10% dos funcionários ainda não concluíram a atualização cadastral no site da Secretaria de Estado de Gestão (Seges). Caso o servidor não realize o procedimento dentro do prazo, o salário será suspenso e o servidor responderá a um Processo Administrativo Disciplinar (PAD).

Entre os cerca de 48 mil servidores aptos a se recadastrarem, 4.917 ainda não concluíram. Deste total, 2.372 apenas iniciaram e devem ficar atentos para concluir as próximas etapas, como a validação pelo chefe imediato e conclusão após a validação do chefe. Sem concluir o recadastramento e emitir o comprovante de regularidade, o recadastramento não será válido.

Entre os órgãos que estão com percentual considerado crítico de servidores que não realizaram o recadastramento estão o Gabinete de Articulação e Desenvolvimento Regional (GDR), com 27,78% de inadimplentes; a Secretaria de Estado de Saúde (SES), com 19,41%; a Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf), com 16,28%.

Os dados são do relatório da Gerência de Indicadores de Pessoal da Seges, divulgados nesta segunda-feira (25.09). Também integram a lista de órgãos a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia e Inovação (Seciteci), a Fundação Nova Chance e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Passo a passo

Ao abrir a página da Seges, o servidor deve clicar na opção “Recadastramento de Servidores”. A partir deste ponto o funcionário já estará navegando na página do recadastramento. Na próxima página, ele escolherá entre as opções “Servidor Público” ou “Empregado Público”.

É importante ressaltar que não será permitida a utilização de e-mail setorial, apenas e-mail pessoal, ou institucional que seja de uso particular.

Na etapa final, a confirmação de vínculo deve ser feita pela chefia imediata, que é a pessoa que está diretamente ligada hierarquicamente ao servidor. O funcionário deve editar as informações de vínculo e adicionar a matrícula do chefe imediato para que ele realize a validação.

Ao final do processo, é importante verificar a validação da chefia imediata e concluir o recadastramento, emitindo assim o comprovante de regularidade no recadastramento de 2017. Em caso de dúvidas ou problemas, o servidor deve procurar o setor de Recursos Humanos do órgão de atuação.


Quem Somos

O site Florestanet, foi o primeiro site de notícias de Alta Floresta, teve a sua operação iniciada em 1999, sendo um dos pioneiros no jornalismo on-line.
 
Durante um curto espaço de tempo houve a interrupção dos seus serviços, mas agora, o portal volta com força total para trazer a informação precisa aos internautas de Alta Floresta (MT) e de todo o mundo.

Social

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo